Fernando de Noronha: Nossos 7 dias na ilha mais linda do Brasil!

Que Fernando de Noronha é um dos destinos mais cobiçado do Brasil, isso não é novidade pra ninguém!! O lugar é um verdadeiro paraíso na Terra, a natureza é exuberante, o mar é algo inexplicável e os animais todos ali, em harmonia vivendo em paz. Tudo muito lindo, muito mesmo, porém tudo extremamente caro.. Mas vamos falar disso depois.

Praia do Sancho

Conseguimos uma promoção nas passagens aéreas e não pensamos duas vezes na hora de escolher o destino das férias 2017. Noronha sempre foi um sonho e quando veio a oportunidade, pimba lá fomos nós! Nesse primeiro post vou falar do nosso roteiro, de uma forma bem geral mesmo.

1º dia: Chegamos no fim da tarde, fomos dar uma volta no ‘centro’ (onde ficam a maioria dos restaurantes) e andamos até a entrada da Praia do Cachorro. Depois aproveitamos pra jantar e descansar para o dia seguinte que seria puxado.

2º dia: Ilha-Tour: Passeio em carro 4×4 que percorre os principais pontos da ilha. Gostei bastante porque é possível ver as praias que você vai querer voltar depois. É feito com um guia da agência que você contratou.O passeio vai de 8h da manhã às 18h, percorrendo as principais praias, parando em duas delas para mergulho: Baía do Sueste, que você tem a oportunidade de nadar com as tartarugas e de quebra aparecer alguns tubarões. E a Praia do Sacho, aquela mais linda do mundo, e que você verá um monte de peixes também. O passeio termina no Forte São Pedro do Boldró, num lindo pôr-do-sol (mas no caso não vimos porque estava chovendo :( )

Praia do Cachorro

3º dia: Passeio de Barco: Esse passeio percorre todo o mar de Dentro, como eles chamam um lado de ilha, passando por diversas praias. No percurso é possível ver golfinhos que ficam brincando e acompanhando o barco. Além de ver a ilha numa perspectiva diferente. Há uma parada para mergulho na praia do Sancho, próxima a um paredão de corais imenso e com milhares de peixes nadando ao seu redor. Sério, é surreal!

4º dia: Praia do Cachorro, Praia do Meio e Praia da Conceição: As três prais ficam bem próximas uma das outras sendo possível visitá-las no mesmo dia. A praia do Meio é onde fica o bar do Meio, onde a vista confere um pôr-do-sol incrível! Ficamos por lá até o fim da tarde e a noite saimos para um  (que pra mim não era forró porque não tinha sanfona) no Bar do Cachorro.

5º dia: Praia do Boldró: Nesse dia alugamos um Buggy para que pudéssemos visitar praias que requeriam uma longa caminha, pois já estávamos cansados! Então visitamos a praia do Boldró, uns dos points dos surfistas em Noronha. Tiramos a tarde para descansar e depois fomos curtir o por-do-sol no Forte São Pedro do Boldró, um dos points mais famosos para apreciar esse espetáculo.

Pôr-do-sol no Forte São Pedro do Boldró

6º dia: Praia da Cacimba do Padre: Essa praia também confere altas ondas e fica próxima a Baía dos Porcos e do Morro Dois Irmãos. O acesso também é mais complicado. Nosso Buggy quebrou (que beleza!), tivemos que caminhar uns 15 minutos sob sol forte e depois voltamos pra pousada de Táxi, ao custo de R$37,00. No fim de semana os taxis ficam mais caros. Não fizemos mais nada, além de jantar, porque já estávamos cansados! Noronha é bem puxado e requer algum esforçozinho!

7º dia: Fizemos nada haha Apenas ficamos aguardando o transfer nos buscar na Pousada para nos trazer de volta à realidade da Vida! Daria para visitar uma praia pela manhã, mas só compramos alguns souvenirs (não façam isso, não prometam nada pra ninguém, sério).

Baía dos Porcos

Noronha deixa aquela sensação de “quero voltar logo nesse lugar” e é sim um dos lugares mais lindos que eu já fui. Em breve sairá um post de todas as impressões que eu tive de lá! Falarei dos preços, restaurantes, aluguel de Bugre, taxas e afins!

Nathana Reis

tem 27anos, é mineira radicada no Espírito Santo que vive com a mala na mão. Quer sair por aí e ver o mundo como ele é. Adora idiomas, cultura e gastronomia. É tipo uma mochileira com mala de rodinha. Seja pelo ar, terra ou mar, ela quer é viajar!

Você pode gostar...

18 Resultados

  1. Noronha deve ser um destino incrível. Eu pessoalmente, infelizmente, ainda não tive a oportunidade de visitar. Ao mesmo tempo que reclamamos que é caro e tudo mais, temos que admitir que a questão financeira é digamos uma das únicas formas com que se pode de certa maneira frear a destruição do lugar pelo turismo de massa. Claro que existem uma série de pormenores nessa história que eu também não concordo. A começar pelo fato do visitante estrangeiro ter que pagar mais para visitar que o visitante local e por aí vai. de toda maneira é um destino que só pelas fotos já dá para perceber que será uma viagem inesquecível.

    • Nathana Reis disse:

      Oscar, é bem isso que você falou mesmo! Tem coisas que precisam ser cobradas mesmo porque infelizmente, a maioria das pessoas não sabem o conceito de “harmonia com a natureza” e não respeitam nada! Já fui em lugares que os corais eram todos mortos, uma tristeza… e Noronha encanta por isso, a preservação!De verdade, é um destino que todos precisam conhecer!

  2. Tina Wells disse:

    Noronha é realmente um sonho! Quero muito ir um dia, ainda mais porque tenho uma amiga que tem Pousada lá! Já até pensei em me aposentar e ir pra lá!

    • Nathana Reis disse:

      Vc tá pensando ainda? haha me passa o contato dessa amiga, quero ser amiga dela também haha (brincadeira). Mas o lugar é um sonho mesmo!

  3. lid costa disse:

    Fernando de Noronha é o lugar mais lindo que eu já fui no Brasil. Lá tive a oportunidade de nadar com tubarão, tartarugas, foi um máximo. A sensação de quero voltar que você se referiu bateu mais forte agora após ler o post hehe

  4. Ótimo post! 7 dias em Noronha deve ter sido o máximo!
    Tenho sim muita vontade de conhecer essa ilha (assim como todo o nordeste), mas cada vez que penso no valor que irei gastar, acabo escolhendo um outro destino! Entendo que é para manter a preservação, mas em boa parte, creio que seja abuso!
    Sobre souvenirs, eu nunca prometo nada a ninguém! hehehehehe

    • Nathana Reis disse:

      Juliana, obrigada!! Foram demais mesmo! Pois é, em parte é abuso e outra é pra conservação mesmo! rs O problema é justamente esse, procuramos outros destinos e deixamos Noronha pra depois, mas não deixe! Vale a pena! E sobre souvernirs.. é muito chato porque minhas irmãs sempre me pedem e eu não consigo deixar de comprar (tenho 4 irmãs rs).

  5. Que legal Nathana!!
    Ainda não conheço Noronha, e esse destino está na minha lista faz tempo já.
    Todo mundo fala dos preços altos, e é o que assusta.
    Abraço

  6. Fabia Fuzeti disse:

    Eu sempre babo nas fotos de Fernando de Noronha, mas pela questão dos preços acabo desanimando de planejar uma viagem para lá! Estou esperando o próximo post com os preços para ver a viabilidade!

    • Nathana Reis disse:

      Olha, é caro, mas tem como economizar! Já saiu o segundo post com dicas e preços e depois farei outro com dicas de economia rs

  7. Claudia disse:

    Noronha é demais! Morro de vontade de voltar e levar a família!

    Clau

  8. Eu AMO Noronha e voltaria pra lá mil vezes. Ótimas dicas!

  9. Já estafive algumas vezes no Brasil mas ainda não visitei esta ilha. Tenho ouvido e lido algumas coisas sobre Noronha e tenho cada vez mais vontade em ir!

    • Nathana Reis disse:

      Sabe aquela sensação de que falaram muita coisa mas nada consegue expressar a realidade? Então, é isso! Vale a pena demais conhecer :D

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *